31/03/2017 _O marketing tradicional morreu?
O marketing tradicional morreu?

Há alguns dias tive a oportunidade de ler um artigo que em seu título dizia que o marketing tradicional morreu com a chegada do marketing digital. O artigo é muito bom, mas, seu principal objetivo não é informar, pois trata-se de uma agência de marketing digital tentando vender seus serviços usando uma chamada capciosa.

Quem realmente entende e estudou marketing não faria este tipo de afirmação, em primeiro lugar porque o marketing digital é uma ferramenta do marketing. Outro erro é que não existe marketing tradicional, marketing é uma atividade que se renova a cada instante.
Que o marketing digital é uma inovação importantíssima ninguém duvida, mas, vamos fazer uma comparação real: quando surgiu o rádio, os jornais não acabaram, quando surgiu a TV as emissoras de rádio não acabaram. Em outras palavras, o marketing digital não matou e nunca vai matar o chamado marketing “tradicional”, simplesmente porque marketing engloba o marketing digital, o "inbound" marketing, a propaganda, a pesquisa de mercado, a comunicação e muitas outras ferramentas que juntas conceituam o próprio marketing.
Quando eu estava na faculdade, o professor de Introdução ao Marketing nos passou uma definição escrita pela American Society of Definitions, que devidamente traduzida diz o seguinte: 
‘’Marketing são todas as atividades, desde a ideia de um produto ou serviço até as relações de pós-vendas”.
Ou seja, o marketing é muito mais que qualquer uma de suas ferramentas, que devem coexistir e nunca competir entre si.
Outro problema é que as agências de marketing digital vendem como novíssimo o conceito de “inbound marketing” como algo inovador, entretanto o “inbound” e o “outbound” marketing já foram e são praticados há décadas principalmente pelas empresas de logística, o que dá a esta ferramenta o aval necessário à sua utilização no marketing digital. Porém, o “inbound” marketing não é exclusivamente digital, já que ferramentas tradicionais (rádio, TV, outdoor e etc) contribuem para a sua efetividade.
No mundo “on line” como o de hoje, o marketing digital é muito importante, principalmente porque qualifica os componentes do mercado consumidor, permitindo que a empresa atinja exatamente o público-alvo.
Evidentemente que as agências de marketing digital, que em sua maioria não têm “expertise” ou não querem fazer o dito marketing “tradicional”, usam os recursos à sua disposição para supervalorizar o marketing digital, que realmente é muito importante e deve ser explorado pelas empresas que desejam melhorar seus negócios.
Entretanto, se sua empresa precisa de resultados imediatos, o marketing digital por si só não será suficiente. O ideal seria usar o marketing em sua plenitude, sem menosprezar as vantagens que o marketing digital pode lhe trazer. Por exemplo, se você vai inaugurar uma nova loja, ou lançar um novo produto de uso mais horizontalizado, o ideal seria a utilização das ferramentas tradicionais do marketing para obtenção de resultados mais imediatos e, em paralelo, usar o marketing digital para ir consolidando sua marca além de ir gerando “leads”, tornando parte destes “leads” em oportunidades de negócio e finalmente em clientes consumidores, o que demanda, no mínimo, seis meses para começar a dar resultados.
Entende agora porque o marketing digital nunca vai “matar” o tradicional? Com o avanço da tecnologia, o marketing digital tornou-se uma das mais importantes ferramentas do marketing, sendo utilizada de uma maneira muito melhor e mais completa por agências que entendam muito bem o marketing digital, mas, que entendam melhor ainda do marketing como um todo, com planejamento, pesquisa de mercado, design, mídia, produção, RTVC e todo o resto.
Não se deixe enganar, marketing é muito mais completo.

Por J. M. Macedo,
Diretor de Planejamento e Pesquisa de Mercado

Voltar